Planos da Unimed sofrem reajuste a partir de julho. Valor é inferior ao esperado



A-



A+

Os planos de saúde Unimed ofertados aos associados da Associação dos Servidores da Justiça do Trabalho no Estado do Espírito Santo (Ajustes) sofrerão reajuste a partir do mês de julho. Após negociação com a empresa, a Associação conseguiu reduzir o valor da correção esperada para o período.

Em um dos serviços contratados com a prestadora de serviços de saúde (Participativo), o reajuste previsto, que era de 21,8%, caiu para 10,44%. A mesma correção ficou estabelecida como padrão para os contratos dos associados optantes pelo Vitória Med. O IPCA – Planos de Saúde (IBGE) de março de 2017 foi de 13,57% em 12 meses, o que significa que a negociação coordenada pela Ajustes resultou num reajuste menor que o indicador.

Outra novidade é a alteração da idade máxima para inclusão de dependentes, que passa de 24 para 28 anos, além da possibilidade de inclusão de netos (as) com até 18 anos incompletos ou com até 24 anos incompletos se estudantes universitários, mediante comprovação de escolaridade.

Por ser julho o mês de aniversário do plano, é possível ainda a inclusão nos planos sem carências, com preenchimento da declaração de saúde, tanto no plano Vitória Med como no Participativo.

Todos os associados que possuem planos de saúde da Unimed (Vitória Med e Participativo) terão novas carteirinhas confeccionadas. A Ajustes divulgará tempestivamente as datas e locais em que serão feitas as entregas do documento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Precisa de ajuda?